InícioCinema FocaCidadão Kane: o filme que todo jornalista precisa assistir

Cidadão Kane: o filme que todo jornalista precisa assistir

- Advertisement -spot_img

Cidadão Kane

Durante todos esses anos, desde quando a indústria de filmes de Hollywood começou a produzir grandes sucessos áudio visuais, nenhum outro foi tão certeiro e perspicaz para retratar a indústria midiática quanto “Cidadão Kane”, que ao meu modo de ver, é um filme imprescindível na vida de qualquer jornalista, formando, foca ou quem deseja mesmo entrar e conhecer mais a fundo a área de comunicação.

Lançado em 1941, o filme norte-americano, traduzido em português de Portugal para “O Mundo a seus Pés”, do gênero ação e drama, foi dirigido por Orson Welles, tendo sido o primeiro dirigido pelo também ator e roteirista – que no ano seguinte, levou o Óscar de melhor roteiro com o longa-metragem.

Com técnicas narrativas e diferenciados enquadramentos fotográficos, o filme trouxe inovações à cinematografia da época, fato que o elevou, mais tarde, a ser considerado o melhor filme de todos os tempos, segundo a crítica especializada, chegando, inclusive, a figurar em primeiro lugar na lista do American Film Institute (AFI).

O filme

O longa de Orson Welles inicia já com o protagonista morto, para dessa forma, mudar a cronologia dos fatos, uma vez que a história baseia-se na vida do considerado magnata do jornalismo William Randolph Hearst, através de Charles Foster Kane, um pobre e humilde menino que na fase adulta, chega ao status de um dos homens mais ricos do planeta.

Logo depois de inúmeros dias com notícias de cunho sensacionalista sobre sua morte, o jornalista Jerry Thompson, vivido pelo ator William Alland, juntamente com um grupo da redação, acaba sendo enviado por seu chefe para fazer uma investigação sobre a vida de Kane, no propósito de levantar o significado de sua última palavra dita: Rosebud – que em português, significa botão de rosas.

Então, Jerry parte em busca de fontes. Entrevista pessoas ligadas a Charles, e por fim, acaba entrando de cabeça na história do homem, visto como solitário, e que desde a infância, era obrigado a ter de seguir contra suas vontades, pois nenhuma das pessoas que o cercavam se importavam com ele. E nisso, Kane tentava buscar, através da aquisição de bens, a atenção da sociedade.

Cidadão Kane - banner do filme

Alerta Spoiler

No final do filme, Thompson, depois de dias cansativos de investigações e sem resultados plausíveis, chega à conclusão que a palavra pronunciada por Kane minutos antes de sua morte talvez tenha sido algo que ele nunca tenha possuído ou perdido.

Contudo, o jornalista estava enganado. O público acaba descobrindo de outra forma que Rosebud era apenas o nome do trenó da infância de Charles, alusivo à única vez em sua vida que se sentiu realmente feliz, e que posteriormente, foi jogado para o lixo e em seguida, queimado em um forno pelas pessoas que estavam indo com destino a Xanadu.

Naquele tempo, a mídia especulava que a palavra Rosebud devia de ter um sentido de grande importância para Kane, pelo simples fato de ter sido a última palavra do magnata. E por meio de toda essa trama, que acaba envolvendo um ar de mistério, a vida de Kane é passada aos olhos do espectador, a primeira vez, dessa forma: escândalos, luxuosidades em demasia e uma vida pública bastante conturbada.

Porém, no final, a plateia, enfim, capta a ideia e a essência de toda história. O menino criado na pobreza, e que na fase adulta, torna-se um poderoso milionário no ramo do jornalismo, na verdade, queria mesmo resgatar as memórias do passado, a simplicidade e a inocência que perdera ao longo do caminho. Fator esse que acabou passando despercebido pela imprensa investigativa local.

Por Leandro Massoni

Perfil do Autor

Leandro Massoni

Graduado em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade Paulista – Unip, Leandro Massoni teve como sua primeira experiência na área um estágio na produção da Revista Eletrônica Domingo Espetacular, da Rede Record. Atualmente, é jornalista e repórter de uma agência de notícias católicas, locutor e apresentador na Rádio Show, rádio comunitária da Rádioficina, e possui um blog intitulado Comunique Esporte, direcionado a estudantes de comunicação que desejam seguir a área esportiva.

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Siga-nos
17,706FãsCurtir
4,420SeguidoresSeguir
2,532SeguidoresSeguir
Mais vistas
- Advertisement -spot_img
Novidades
- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui