InícioFocas entrevistamEntrevista com o fotojornalista Wilton Junior - Vencedor do Prêmio Esso...

Entrevista com o fotojornalista Wilton Junior – Vencedor do Prêmio Esso de Fotografia 2012

- Advertisement -spot_img
Wilton Junior, fotojornalista do Jornal "O Estado de São Paulo"
Wilton Junior, fotojornalista do Jornal “O Estado de São Paulo”

CF – Por que você escolheu ser fotojornalista?

Wilton Junior – Sou de uma família de fotógrafos, meu padrinho Wilmar de Souza foi quem deu o ponta pé inicial na fotografia em nossa família, ele foi fotógrafo do exército e também de eventos sociais, foi ele quem levou os irmãos, meu tio Walmir de Sousa, e meu Pai Wilton de Sousa (falecido em 2002). Meu Pai foi o único a ir para o fotojornalismo, começando a sua carreira no Jornal dos Sports. A minha escolha pela pelo fotojornalismo vem do amor e do entusiasmo que o meu Pai tinha pela profissão dele. Desde muito novo, eu já tinha definido na minha cabeça: com certeza, não terei outra profissão a não ser a de Repórter Fotográfico.

CF – Conte-nos como foi seu trajeto profissional até se tornar fotojornalista do jornal “O Estado de São Paulo”.

Wilton Junior – Trabalhei no Jornal dos Sports, na Folha Dirigida, no Jornal O Dia, e há 12 anos estou no Jornal O Estado de São Paulo. Comecei a frequentar redação com 13 anos, andava no carro de reportagem com meu pai, que trabalhava em O Dia. Desde moleque nunca pensei outra coisa. Só brincava de ser fotógrafo.

CF – Na sua opinião qual é o principal papel do fotojornalista?

Wilton Junior – Levar a informação através da imagem, ter imparcialidade, sensibilidade, respeito e dignidade. Ilustrar uma matéria não é só retratar o que é óbvio. Tem que trabalhar no universo da subjetividade, buscar a emoção.

CF – Quais são as dificuldades que você frequentemente encontra durante o exercício de seu trabalho?

Wilton Junior – As dificuldades são frequentes em qualquer profissão, para o fotojornalista não é diferente, mas eu considero que as maiores dificuldades estejam sempre relacionadas a segurança, o nosso trabalho exige ousadia seja em uma matéria de desastre natural, como desabamentos, enchentes e etc.. ou em matérias de denúncias, como fotografar traficantes , entrar em rebeliões e por ai vai…

Fotografia vencedora do Prêmio Esso 2012 tirada por Wilton Júnior
Fotografia vencedora do Prêmio Esso 2012 tirada por Wilton Júnior

CF – Como você produziu a foto vencedora do prêmio Esso deste ano? Você imaginou que ela ganharia tantos prêmios? Qual a sua reação ao saber que foi premiado?

Wilton Junior – Eu, fui cobrir a Presidente da República, Dilma Rousseff, na cerimônia de entrega de Espadins na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) em Resende, no Sul do Estado. Era um momento muito difícil que o governo passava, havia um conflito entre o PT, partido da Presidente, e o PMDB, partido do Vice-Presidente Michel Temer. Eu buscava a imagem que pudesse sintetizar tudo isso. Quando a Presidente Dilma Rousseff passou em revista a tropa, um oficial que a acompanhava executou o movimento de apresentar armas, fiz a sequência das fotos. Quando eu pensei na foto e a executei, tinha a certeza de que seria uma foto para ficar na história, mas não tinha a certeza de que seria uma foto premiada. Até porque tem muitas outras fotos muito marcantes, que chamam atenção.

CF – Qual é a melhor forma de alguém se tornar um bom fotojornalista? Que conselho você dá a quem quer seguir essa carreira?

Wilton Junior – Leia jornal. É preciso ser antenado, saber o que está acontecendo. Observe as fotos, o material de outros profissionais, crie suas referências. Também é preciso ser dedicado e estar disposto a enfrentar adversidades. Não é uma vida fácil. Mas, acima de tudo – e isso eu aprendi com meu pai -, é preciso ter humildade, estar sempre disposto a aprender.

Leia também: Heródoto Barbeiro, âncora do Jornal da Record News é entrevistado pela Casa dos Focas.

Por Emílio Portugal Coutinho.

- Advertisement -spot_img
Emílio Coutinho
O jornalista e professor Emílio Coutinho criou a Casa dos Focas com o objetivo de ser um espaço para debate, aprofundamento e divulgação de novidades dentro da área do jornalismo. Os textos aqui publicados são de responsabilidade dos seus respectivos autores.
- Advertisement -spot_img
Siga-nos
17,706FãsCurtir
4,420SeguidoresSeguir
2,532SeguidoresSeguir
Mais vistas
- Advertisement -spot_img
Novidades
- Advertisement -spot_img

1 COMENTÁRIO

  1. […] Inicialmente ele pensou em fazer a foto antes da cerimônia, mas não deu certo. Mas quando a cerimônia começou, Wilton se deparou com a oportunidade perfeita. “Quando a Presidente Dilma Rousseff passou em revista a tropa, um oficial que a acompanhava executou o movimento de apresentar armas, fiz a sequência das fotos. Quando eu pensei na foto e a executei, tinha a certeza de que seria uma foto para ficar na história, mas não tinha a certeza de que seria uma foto premiada. Até porque tem muitas outras fotos muito marcantes, que chamam atenção”, disse o fotógrafo em entrevista ao site Casa dos Focas. […]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui