InícioDebate FocaOportunidade aos focas

Oportunidade aos focas

- Advertisement -spot_img

jornalismo

Engraçado como ao fazer jornalismo desde o início dessa decisão nada vem fácil. Decidir que este é o curso que lhe trará realização profissional e segurança financeira é uma grande responsabilidade já que o acesso às primeiras oportunidades são tão distantes do que almejamos.

Penso que assim como a filosofia, quem faz Jornalismo, não o faz com a intenção de ficar rico fazendo o que gosta e sim pelo amor a profissão e isso nos dá forças para lutar pelo que acreditamos, a verdade.

Depois vem os questionamentos da polêmica referente ao diploma dos jornalistas. Um absurdo que isso ainda seja discutido já que em qualquer empresa que procura-se vagas de comunicação é exigido o diploma, além dos cursos especializados. Realmente quem teve essa ideia além de sem noção deixa claro que por detrás de tal afronta esteja inchado de interesses políticos, ou desinteresses políticos para conosco, a classe poderosa que coloca a boca no trombone.

Que tenha-se o bom senso que, em qualquer produção de TV, rádio, ou redação de jornal por exemplo, vamos nos deparar com pessoas que se tornaram jornalistas pelo tempo de trabalho e experiência e claro que os dar o direito de ter tal privilégio não vem ao caso julgar. Mas não devemos descartar o fato de que os tempos são outros e o novo a cada dia fica mais novo e nada que não possamos aprender com os mais velhos, eles também não possam aprender com quem está entrando no mercado. É uma mistura de jornalismo concreto e técnico que pode acoplar com a inovação das tecnologias e ideias dos jovens que chegam com tanta vontade de participar e ser um dia como todos que conseguiram tal sucesso.

Jornalista técnico não falta, e é fácil o ser. Não seja mais um jornalista, seja “O Jornalista”. Estudar, sempre praticar a leitura, ter curiosidade de conhecer aquilo que não o agrada, ler sobre o que ainda não conhece são ferramentas cruciais para sermos pensadores e formadores de opinião. O jornalista para sempre carregará essa cruz e nunca estaremos prontos, sempre é necessário aprender.

Para os recém formados que moram no interior a situação piora. São poucas as oportunidades, o jornal impresso está cada vez mais escasso e quando contratam precisam de experiência já que tudo é muito rápido e não há mais tempo de ensinar.

Hoje o jornalista para conseguir entrar no mercado precisa ser um faz tudo. Se você não teve a sorte de se formar a três décadas atrás onde o jornalismo impresso era o auge da imprensa, saiba que precisa é de muito estudo para que consiga um dia chegar num lugar parecido com estes que souberam fazer história.

O jornalista hoje precisa, além dos quatro intermináveis anos de faculdade, ter inglês fluente, saber Corel Draw, Photoshop, HTML, ter boa redação, boa dicção, ser pró ativo, saber tirar fotos, diagramar, etc, etc, e etc.

Tudo o que aprendemos na faculdade, certo? Mas sem praticar ninguém chega lá.

Estágios pagam de 400 a 670 reais com muita sorte e exigindo todos os conhecimentos mencionados anteriormente. Então continuamos em nossos empreguinhos que de longe nada tem a ver com Jornalismo, esperando uma oportunidade, fazendo freelances para ficar mais próximos da realidade e desesperados para pagar as contas da faculdade.

Por Gabriela Peres.

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Siga-nos
17,706FãsCurtir
4,420SeguidoresSeguir
2,532SeguidoresSeguir
Mais vistas
- Advertisement -spot_img
Novidades
- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui