InícioBiblioteca FocaSugestão de leitura: Honra teu pai, de Gay Talese

Sugestão de leitura: Honra teu pai, de Gay Talese

- Advertisement -spot_img

O período de férias da faculdade para nós estudantes de jornalismo é vital para especializações em assuntos, leitura de livros e apreciação de bons filmes. O assunto que trago à pauta é o livro Honra Teu Pai, do escritor norte americano e mestre do new journalism, Gay Talese.

Honra Teu Pai é baseado em fatos reais de uma das maiores e mais importantes famílias da máfia siciliana, a família Bonanno, a qual é retratada em altos e baixos, em seus mínimos detalhes. Gay Talese, que é um dos mestres na criação de livros de não ficção mostra neste livro como é importante ao jornalista ir à rua e estar sempre ligado às situações que o dia a dia coloca a nossa frente.

Gay Talese. Foto: Wikipédia.
Gay Talese. Foto: Wikipédia.

A ideia de escrever o livro surgiu na cabeça de Talese em uma das muitas vezes que Bill Bonanno, filho de Joe (Bananas) Bonanno com Fay Labruzzo, teve que comparecer ao grande júri nos EUA. Após uma eloquência e aproveitando-se de uma pausa em um julgamento no qual Bill Bonanno era réu e conversava com seu advogado Krieger, Talese aproximou-se e perguntou a Bonanno se algum dia poderia escrever um livro sobre sua vida. Bill Bonanno demonstrou gostar da ideia, porém não respondeu. Talese enviava cartas ao advogado de Salvatore, e depois de muito tempo recebeu o convite para jantar com Bonanno e seu advogado. Lá expôs sua ideia e deu início a escrita do livro.

Gay Talese teve acesso a fontes como: Joseph Bonanno, o chefe da família, Fay Labruzzo, mãe de Bill, Catherine Bonanno e Joseph Bonanno Jr., irmãos de Bill Bonanno, a esposa de Bill; Rosalie, os seguranças de seu pai e aos advogados da família.

Bill aproximou-se tanto de Talese que mesmo quando sumia por conta da rivalidade entre as famílias da máfia, dava um jeito de entrar em contato com o escritor para avisar que estava vivo e por vezes prosseguirem com as entrevistas.

Capa do livro 'Honra teu Pai'. Foto: Divulgação
Capa do livro ‘Honra teu Pai’. Foto: Divulgação

Em seus últimos capítulos, Talese traz à narrativa o preconceito que não só a família Bonanno sofreu por várias décadas como também de muitos outros ítalos-americanos nas terras dos EUA. Preconceito este que fez com que Gay Talese, já prevendo que os netos de Joseph Bonanno sofreriam, resolvesse abrir um fundo bancário para que lá fosse depositado parte das quantias arrecadadas com a venda exterior do livro e de uma série de TV para que Charles Bonanno, Salvatore Bonanno e Felippa Bonanno pudessem cursar uma faculdade e não sofressem o preconceito futuro que o sobrenome pudesse causar a suas vidas.

O livro traz consigo epílogo e posfácio, este escrito por Pete Hamill, 78, no qual destaca que “Honra teu pai é um clássico”. E por este motivo sendo ou não um apreciador de livros de não ficção, Honra Teu Pai merece a sua leitura e releitura.

Aproveite o período de férias.

Deixo aqui meu agradecimento ao colega de profissão Julio Cesar de Faria que fez esta ótima indicação. Em breve tem mais.

Por Cesar Gouveia.

Leia também:

– O Reino e o Poder – uma história do New York Times

– Os 10 livros indispensáveis para jornalistas

– Bem Vindo a Sarajevo

Perfil de Cesar Gouveia

Cesar Gouveia
Cesar Gouveia, 22 anos, estudante de jornalismo (4º semestre) na FAPCOM, estagiário em comunicação na FUNSAI (Fundação Nossa Senhora Auxiliadora do Ipiranga), apresentador e repórter do programa Comunidade Conectados na Rádio Web Conectados. Apaixonado por jornalismo e por transmissões de futebol. Assim como Gabriel Garcia Marquez diz, tudo é questão de despertar sua alma, acredito eu que, inclusive, escrever.

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Siga-nos
17,706FãsCurtir
4,420SeguidoresSeguir
2,532SeguidoresSeguir
Mais vistas
- Advertisement -spot_img
Novidades
- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui